quinta-feira, 19 de março de 2009

# SEXO COM AMOR... #


Porque a mulher que amo é um altar onde cumpro a minha liturgia,

mesa que me alimenta com as mais finas vitualhas,

porto de abrigo para onde fujo e me reparo

dos estragos do temporal de todos os dias,

campo que lavro e onde lanço as sementes

da minha única esperança de imortalidade.
Onde as minhas mãos rudes e brutas se amaciam

numa carícia que tenta imitar

o doce roçar duma penugem e o coração

se me amansa por mil males que ela me tenha feito.
Onde a paz se procura num beijo que ela me queira oferecer

e perdões necessários sejam inquestionáveis,

de entrega imediata e sem condições.

Onde sou homem tanto quanto a faço mulher

e mais homem ainda se a fizer Rainha.

Quando choro pela sua felicidade,

morro pela sua vida e a sinto no meu sangue.

Quando retenho meu passo para que ela chegue primeiro e isso,

ao invés de me diminuir,

me engrandece, agiganta.

Quando o olhar dela é tudo o que necessito para lhe ler a alma.

Quando um pouco que me dê, me enche e me extravaza e em tudo nela veja maravilha e contentamento.

Que me apeteça até, rasgar-me ao meio e abarcá-la.

Que nada haja de impossível fazer por ela!
E tudo, tudo isto, sem esperar,

sem pedir, sem exigir,... ter de volta!
E tão pouco é de dizer, pois não há palavras...
Dá-me tusa tremenda o seu ranger de dentes quando se crava

toda no meu pau fremente e encharcado nos seus sucos.

Quando me crava as unhas afiadas no peito e me esmaga,

desvairada, as mamas de encontro à minha boca sôfrega.

Me agarra pelo cabelo e me enfia o rosto entre as pernas,

doida com a minha língua,

gemendo e roncando para desassossego dos vizinhos.
Não pares, não pares, não pares...

Põe-me à beira do abismo com o seu revirar de olhos,

o morder do lábio,

o descair da cabeça para trás no abandono daquele vir-se frenético.

Quando para se saborear,

me engole até à raiz, sugando,

mamando, lambendo, mordiscando, fazendo-me desfalecer.

Cavalgando-me, pulando em mim, torcendo-me todo,

obrigando-me a reinventar encavanços e estocadas que a façam gritar mais alto.

Adoro quando pressente a minha explosão e me fornica com maiores ganas ainda,

ansiosa pelo meu estertor,

pelo meu jorro, pelo meu urro animal.
E de repente... morro e renasço.

Aninho aquele corpo escaldante e suado no meu.

Então, serenamos,

trocamos piadas brejeiras,

risos, palavras bonitas...

10 comentários:

SIMPLESMENTE MARIA disse...

Romeu
sempre perdida no seu blog...
perdidamente apaixonada...
amorosamente entregue à luz do desejo...
enluarada de amor...

beijos felizes

Romeu disse...

Maria,minha simples amiga.
Gostei dessa de te perderes no meu blog,e apaixonada ummmmm estou adorar,e a luz do desejo,olha que o desejo comanda o resto todo,espero que continues a desejar,por mim estaz a ser muito desejada .
Romeu.

Romeu disse...

Fazer Amor!! simplesmente Maria e bom demais.




Você provoca em mim sensações maravilhosas, um tesão incontrolável de querer te amar a todo instante, e neste mais puro momento de um intenso prazer, haverá em nossos corpos o cheiro exalado de sexo, química, tudo isto envolvido com o nosso amor.
Quero sempre te dar muito prazer, e pode ter sempre ter você dentro de mim.
Juntos sei que iremos fazer muitas loucuras, pois entre quatro paredes tudo é válido quando existe o amor, rola uma cumplicidade muito gostosa entre nós, somos insaciáveis na arte de amar, é um momento só nosso e único carregamos em nós um instinto selvagem.
Você me deixa assim meu amor, me prove sempre e sinta o meu gosto!
Romeu.

Anjo disse...

Minha menina Princesa...

Menina como você é linda
menina como você é bela
Menina teus olhos me fascinam
Menina teus lábios me encantam

Menina como é lindo teu sorriso
Menina ao teu lado me sinto no paraiso
Menina você mexeu comigo
Menina ficar sem te ver já não consigo

Menina como você é maravilhosa
Menina como você é graciosa
Menina como você é elegante
Menina perto de você me sinto gente

Menina do meu jardim é a flor
Menina você é a escolhioda do Senhor
Menina você é a obra perfeita do criador
Menina deixa eu ser seu amor.
Anjo.

Zeca Diabo disse...

Com meus olhos
invadi sua privacidade.
Abri suas gavetas,
bordei meu nome
nas suas gravatas.
risquei suas cuecas com batom.
Suas pernas de calça
amarrei-as uma a uma
nas alças do meu sutiã.
Minhas calcinhas estão junto com minhas fronhas
Seu umbigo,
escondi com um chumaço de algodão.
Dos seus cinco dedos da mão esquerda
o do meio é meu.
Sou dona do seu sobrenome,
medidas, cardário,
cavidades, orifícios,
suores, odores, manifestações.
Denigro seu caráter frente ao espelho,
respiro seu ar e...
rasgo suas pernas, seus ombros,
para depois colar
parte por parte,
na minha agenda escolar...
Zeca Diabo

Joana. disse...

Te quero feito louca!


Quando te vejo, você não percebe, mas sinto um frio por dentro, meu coração dispara, sinto vontade de correr e te abraçar, te beijar com desejo, e me entregar inteira pra você. Você me deixa louca quando me olha daquele jeito, perigosamente, não sabe que isso me deixa ainda mais cheia de desejo? Deixa eu te amar, não me faz esperar tanto tempo, me dê um sinal, e eu serei toda sua outra vez, prometo te deixar louco de prazer, e fazer com você tudo que eu tenho direito, e também o que eu não tenho! E nunca se esqueça que TE QUERO FEITO LOUCA!!!
Estou morrendo de saudade de ter você!!!!!!!!!
Joana

REBECA disse...

Mi adorado Eros R....
¡ Amado mio !
no sigas ... esa estrella
en el cielo
solo te llevara ....
camino al hielo
deja a un lado ....
tu miedo
¡ Amado mio !
escuchame
ven a mi lado
te esperare
eternamente
con la lumbre
encendida
donde
cobijare
a tu serpiente
que alimentara
mi fuego
Rebeca.

Sergio disse...

Uma Maria deves ser portuguesa Maria me diz de onde és quero fazer amizade contigo tem cuidado com um Rui que anda por aqui é um paneleiro dos maiores

Romeu disse...

Sergio!
Caramba pa, A maria e dai de Portugal,podes contar com minha ajuda,es um bom amigo,conta comigo.
Maria diz la onde vives em Portugal,eu quero ir ai de ferias e nos encontramos todos,vamos depois ai a discoteca, ai em lisboa.
Romeu.

Romeu disse...

A todos quanto comentam no meu blog sempre bem vindos,nao descremino racas,cores sexo ou outras coisas,aqui somos todos humanos,e somos uma familia linda.
Joana caramba nao queres nada comigo,olha eu nao me emporto anda por aqui a Maria e duas espanholas,vai ser lindo.
Romeu.