sábado, 21 de março de 2009

O PINTO FINOU-SE...


O PINTO DO SERGIO
FOI-SE DESTA PARA MELHOR
TEMOS QUE MARCAR O FUNERAL
COITADO MORREU DE DESGOSTO
DE TANTA PUNHETA SEM LUCRO

8 comentários:

XAVIER disse...

A todos e todas quero dizer que vou estar auzente por um tempo,fico com saudades, obrigado Romeu por me teres deixado comentar sempre aqui.
A meu gatinho Rui um beijo,eu o amo muito,cuida essa bundinha gatinho.
""XAVIER""

Zeca Diabo disse...

Ilusão...

Igual a todas
desejou ser única,
contou-me histórias, casos de seus casos,
falou de medos, de loucuras, sustos
e de um futuro que seria nosso.
Como as demais e tantas e diversas
fez mil perguntas sobre o meu passado,
teve ciúmes,
me roçou de leve,
quis recuar, pensou melhor, agiu,
igual a todas
se deitou comigo, dormiu
com suas pernas entre meus joelhos
e sonhou ficar multiplicada
no meu quarto de espelhos.

ZECA DIABO.

rui m disse...

Bem feito Sergio cabrão estás do lado do corno e o corno te fode gostei desta o teu pinto morreu de susto quando entrou no cú do romeu ah! ah! foda-se

Mario das cabras disse...

Na noite de núpcias, a noiva despe-se. O noivo fica encantado com tanta beleza!

--- Deixa-me tirar-te uma fotografia, para guardar este momento para sempre!

Chega a vez dele se despir. ela pega na máquina fotográfica e diz:

--- Deixa-me tirar-te uma fotografia amor, para a mandar ampliar!

deve ser o que esta noiva vai dizer quando vir este sergio nu com a gaita murcha.

Sergio disse...

mario das cabras esta era a noiva do rui eu tou bebado amanha falamos o pinto é dele caralho romeu que vai aqui

Romeu disse...

Cabrao Rui merdas,estaz feliz com a agonia do Sergio.
Olha o funeral do pinto do Sergio e pra semana,podes comparecer ate popdes encontrar la o Xavier.
Romeu.

Romeu disse...

Boa Mario das Cabras rsrsrsrsrs
Poesia linda,isto foi ja uma reza ao interro do pinto do Sergio,ate tens geito para padre rapaz .
romeu.

Romeu disse...

Sergio!
Porra me deichastes mal visto hoje,bebedo e pinto mrto,foda se,espero as melhoras,curte bem a bezana.
Romeu.