quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

TEUS SEIOS MEU AMOR...


Teus seios... quando os sinto, quando os beijo
na ânsia febril de amante incontestado, são pólos recebendo o meu desejo, nos momentos sublimes de pecado...
E às manhãs... quando acaso, entre lençóis das roupagens do leito, saltam nus, lembram, não sei, dois lindos girassóis fugindo à sombra e procurando a luz!...
Florações róseas de uma carne em flor que se ostenta a tremer em dois botões na primavera ardente de um amor que vive para as nossas sensações...
Túmidos... cheios... palpitantes, como dois bagos do teu corpo de sereia, tem um rubro botão em cada pomo como duas cerejas sobre a areia...
Quando os tenho nas mãos... Quantas delícias!... Arrepiam-se, trêmulos , sensuais, e ao contato nervoso das carícias tocam-me o peito como dois punhais!...
Meu lúbrico prazer sempre consolo na carne destas ondas revoltadas, que são como taças emborcadas no moreno inebriante do teu colo...

5 comentários:

REBECA disse...

Adios Sergio.
En verdad no me gustabas mucho,sienpre senti que eres un hombre que te gustaban los hombres,que te baya bien,yo estoy enamorada hace mucho de una persona deste blog,pero no me declare,y esper hacerlo tienprano.
Felicidades Sergio,asta nunca mas.
Rebeca.

Sergio disse...

Adios, adios, foda-se mais uma que ma livrei olha o romeu fica contigo esta enjeitado, entrou para o club dos enjeitados

Rui M disse...

Rebeca ganhas-te juizo o pior é que aquele gajo agora anda em volta da minha princesa estou fodido com vocês todos, olha aqui o panasca do Romeu faz anos atira-te a ele dá-lhe essa prenda cú de rebeca ele acende a vela

Jorge C disse...

Tomem atenção este Rui está de olho em duas mulheres na Princesa e na Rebeca fica com a rebeca sim meu cabrão ordinário a princesa precisa dum homem como eu que sou á sua altura

Romeu disse...

Sergio,hoje faco um esforco para nao dizer palavrao,mas tu ja sabe o que eu dizia, pois era isso mesmo.
Romeu.

Boa jorge.
Es de olhao, o Rui nao anda aqui so por uma.
Romeu.