quinta-feira, 21 de maio de 2009

´Nós dois ...


Há uma confissão que paira no ar.

Há desejo a queimar carne e alma

.Pode a paixão ser disfarçada?

Pode a declaração de amor não ser notada?

Tantos beijos sofregos,

demorados, molhados, reprimidos.

Tantas carícias ansiadas, contidas.

Tantos gemidos, sufocados.

Noites brancas, imaginadas mas não vividas.

Sentidas mas não consentidas.

Preenchidas de descoberta,

de entrega, de loucura,

de delírio, numa fusão de corpos,

numa confusão de sentidos.

Noites brancas,

para fazer e refazer amor... contigo.

4 comentários:

Princesa disse...

Meu anjo
meu amor lindo
Não vejo teu rosto, mas te encontro na luz das estrelas...
Não penetro teu olhar, mas te sinto dentro de mim...
Não beijo teus lábios, mas experimento teu sabor...
Não sinto teu toque, mas te percebo em meu corpo...
Não tateio tuas formas, mas te pressinto em meus sonhos...
Não inspiro teu perfume, mas me inebrio de você...
Não conheço tua história, mas reconheço que você faz parte da minha...
Não entendo este sentimento, de onde vem, ou para onde irá me levar... mas me perco nele, para me reencontrar em você...
te amo muito

Joana. disse...

Boa Romeu te andas a esmerar mo blog, penso que me estás a ganhar meu amigo
vem
agarra-me
penetra-me
rasga o meu corpo
enlouquece-me
sem pressas
faz de mim
o mar
onde desaguas

Joana

Romeu disse...

Princesa
meu amor
as tuas mãos na minha pele
fortes, arrebatadoras
exploram, curiosas
os mistérios do meu corpo
abrem caminhos
com a firmeza dos teus dedos
perdem-se em carícias
com a suavidade de uma brisa
prendem-me a ti
com a certeza do desejo
te amo
Romeu

Fatti___ disse...

Olá meu querido Romeu....tempos q nao te deixo nada escrito nao éh....mas te digo q sempre estou aki lendo suas histórias de amor ,o q me deixa extasiada...hoje quis deixar meu carinho,nao como suas lindas Histórias,mas para saber q adoro estar em teu Blog.
Meu querido amigo recebe este delicado poema,é um gesto de carinho.
v
v


Oceano Coração...
Dentro do meu peito há um País
Chamado sentimento.
Onde no seu oceano coração
Viaja um veleiro com seus passageiros
emoções é uma constante viagem
Em cada porto uma chegada
Uma despedida uma saudade
Quisera eu que nesse velejar
Jamais partisse quem deixasse saudade
Jamais ficasse uma dor no meu peito!

Fatti___