quinta-feira, 30 de julho de 2009

Sou teu novo dia...


Sou o teu novo dia

O teu braço pelo universo

És o teor da alegria

Que completa o meu verso

O teu olhar é um mar de rosas

Que cede em mim fabuloso

Os teus sorrisos são prosas

Caprichando o maravilhoso

És o viveiro das minhas criações

O teu toque afaga-me a alma

És ilustre nas minhas emoções

Que pernoitam na tua calma

És janela que mantenho aberta

Sem cortinas sobre os segredos

És fruto que me desperta

E secas-me a raiz dos medos

SImplesmente Eu...

4 comentários:

Palma da Mão disse...

Ler-te assim meu amigo é sempre uma delicia:)
É um prazer mesmo:)
beijinhos

Andresa disse...

És o teor da alegria
Que completa o meu verso....

Lindo poema de demonstração de ternura

UM grande Abraço

Andresa Araujo

Princesa disse...

Meu amor...
Será que consegues imaginar
o quanto te amo?
Conta as estrelas do céu e depois
multiplique por 1.000
e nem assim saberás o quanto te amo,
porque te amo demais!!
Obrigada amor por me dares tanto carinho e amor.
mesmo distante estás sempre a meu lado
eu te amo muito

Sandra disse...

Es o lustre de minha vida.
Lindo.
Seus poemas chão cheio de amor e ternura.

Princesa!
Ele te ama tanto assim??!!!
Que Deus abençõe este amor tão lindo que vc. sentem.
Como é bom ter alguém para nos amar e nos envolver na magia das estrelas, nos encantos da lua.
Com muito carinho
Sandra

Felicidades aos dois.